O prefeito de Custódia faltou com a verdade e os diretores de departamento agradecem

O vereador Cristiano Dantas mais uma vez usa sua página no Facebook para alertar a população sobre os desmandos administrativos que acontece no município. segundo Cristiano o prefeito de Custódia em entrevista na Rádio, no mês de outubro de 2017, falou em redução de salários dos comissionados e que havia afastado todos os Diretores de Departamento, ou seja, iriam ficar sem salário mês de novembro e dezembro.

Segundo ainda o parlamentar, foi um tentativa de acalmar os professores e contratados que estavam sendo acusados pelo aumento da folha. Os contratados sofrendo atrasos no pagamento e os professores uma dura mudança do Plano de Carreira.

Mas, como sempre, o prefeito estava de “mentirinha”! Pagou o mês de novembro integral aos Diretores e houve até quem recebesse com gratificação, destacou o vereador.

Para conferir a remuneração dos funcionários municipais acesse este link.

Confiram no: http://www.transparencianomunicipio.com.br/portal/v81/fol_folha_pagamento/fol_folha_pagamento.php

VEREADOR CRISTIANO DANTAS INFORMA QUE A PREFEITURA DE CUSTÓDIA PERDEU 600 MIL DE ASFALTO

 

O Vereador Cristiano Dantas (PTB) informou hoje (12) na 40ª sessão ordinária da câmara municipal de vereados de Custódia, que O Prefeito Manuca por incompetência, perdeu um convênio no valor de R$ 600.000,00, para asfaltar várias ruas do Município de Custódia.

 

 

Confira abaixo a postagem do Vereador Cristiano Dantas  feita na sua página do Facebook.

 “Hoje, (12), em Sessão na Câmara Municipal, fiz um balanço do nosso trabalho ao longo de 2017. Transmiti os colegas Vereadores que o prefeito, por incompetência, perdeu um convênio no valor de R$ 600.000,00, para asfaltar: Rua Dr. Fraga Rocha, Rua Cecílio Pedro, Rua Tenente Moura, Rua Nemesio Rodrigues no Centro, da Rua Corina Pereira no Bairro da Redenção, Rua Luiz Epaminondas, (Indicação apresentada por mim). Convênio proveniente da gestão anterior, que teria até 30 de novembro deste para apresentar o projeto à Caixa Econômica Federal, mas, o prefeito desconsiderou a proposta existente e não conseguiu apresentar a tempo outro projeto, (imagem da tela da CEF em anexo).
Chamei a atenção para a gastança de dinheiro público em passagens, no valor de mais de 30 mil, onde identificamos uma pessoa que sequer sabíamos que era servidor municipal, que o mesmo tem gastos para Brasília, para tratar de assuntos no FNDE, um verdadeiro descaso com o dinheiro público.
No trabalho de fiscalização, onde destaquei os gastos irresponsáveis e ilegais com locação de veículos e com estrutura de festa (painel de LED), que prejudicou muito as finanças do município, destaquei ainda, que por nossa provocação, depois de muitas críticas, o RX foi instalado na Unidades Mista Elizabeth (hospital municipal). Apesar de nosso esforço para reabertura da Creche Marlene Feitosa, lamentei o prefeito ter ignorado meu apelo.
Impedimos o desviu de dinheiro com locação de equipamento para terraplanagem de “mentirinha”, dinheiro que daria para comprar uma UTI móvel ou reequipar a sala de cirurgia, desativada a quase um ano. Apresentamos denuncia da cobrança indevida do uso dos ônibus pelos estudantes universitários.
Apresentamos várias indicações e requerimentos, destacamos o requerimento ao Ministro dos Transportes e ao Secretário Estadual de Transportes, para viabilizar redutores de velocidade ao longo da BR 232, no perímetro urbano da cidade. Pedimos ao Secretário Estadual de Transporte pela PE 310, apresentei hoje, um requerimento para realização de Audiência Pública para viabilizar a construção Adutora para abastecer zona urbana da cidade de Custódia.
Em todo o ano de 2017, fiscalizamos, denunciamos, e, também apresentamos alternativas para ajudar o Prefeito a encontrar um rumo na gestão do município. Convocamos a secretária municipal de educação para discutir a educação em nosso município, recomendamos o efetivo funcionamento dos conselhos municipais, da saúde, da merenda, da assistência, do idoso, fiscal do CUSTOPREV, que sem dúvida, são uma boa alternativa para discutir os problemas da gestão e encontrar uma saída para o desgoverno. Sugerimos por diversas vezes que o prefeito procurasse o Consorcio Intermunicipal – SIMPAJEU, para construir em parceria com outras cidades uma saída, principalmente na prestação do serviço de saúde.
Estivemos ao lado dos servidores municipais, ativos e inativos, em todas as batalhas desde o inicio do nosso mandato.
Nas deliberações de hoje, o requerimento que apresentei foi aprovado, bem como a resolução que estabelece a comissão provisória representativa do recesso parlamentar, onde eu foi escolhido para compor e, também a emenda a Lei nº 1078/2015, que estabelece gratificação aos profissionais de saúde da atenção básica.
Encerrei minhas palavras na Sessão de hoje, agradecendo a Deus, aos que me confiaram o mandato, aos servidores da Câmara, agradeci ainda, o reconhecimento que estou recebendo, que se resume com a expressão que mais escuto nos últimos dias: “obrigado Cristiano, você me representa”. Prova que estamos no caminho certo.
Por fim, desejei Feliz Natal a todos.”